Para quem tem todo o meu amor



Eu tenho certeza que o intento de Deus ter colocado você na minha vida foi pra me mostrar que o mundo não é composto apenas por gente perversa e perdida, como antes eu pensava que fosse. Pra me mostrar também que existem anjos de carne e osso, com um brilho cegante sob a epiderme. Pra me mostrar que, não, nem todo coração é como aquele das aulas de anatomia, com quatro válvulas que permitem o fluxo sanguíneo. Que algumas pessoas possuem uma quinta válvula: a válvula que permite o fluxo do amor e da empatia. E essa válvula tem exatamente uma direção, ela simplesmente aponta para todo e qualquer coração que passar em seu caminho. Pra me comover ao perceber que algumas pessoas não possuem uma retina comum. Elas registram além do físico. Elas captam e dissipam a serenidade na sua maior e melhor forma.

Você possui o brilho cegante sob a epiderme, a quinta válvula, a retina incomum e o meu amor. Todo o meu amor.

Comente com o Facebook:

(se você não tem Facebook, desça a página e comente apenas com seu nome ou em anônimo!)

2 comentários

  1. Achei lindo esse este texto, e simplesmente magnífico a forma como usou a metáfora, "acho que é isso né, não sou tão inteligente como a senhorita", na comparação em que faz elogio ao amado, dizendo que ele é um anjo de carne e osso, e o uso da luz do anjo que ilumina a pele, sendo que a luz celestial não é simplesmente uma luz que ilumina, mas que traz paz felicidade, paz, descanso.
    Muito lindo mesmo, você esta perita em biologia em rs...Espero mais textos como estes..

    ResponderExcluir

Não resolvo parcerias e/ou assuntos posteriores pelos comentários, somente pelo menu "Contato" ou pelo e-mail gabibastoscontato@gmail.com